TRADUTOR / TRANSLATER

TRADUTOR / TRANSLATER / TRADUCTEUR / TRADUCTOR / TRADUTTORE
English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

Quem é Ton MarMel?

Minha foto

Bem-vinda(o) à MarMel Jurista especializada em Direito Público e Privado que tem a missão de oferecer conhecimentos e serviços jurídicos de excelência com criatividade, segurança e eficiência.
DESTAQUE: DIREITO AUTORAL - AUTENTICIDADE DE OBRAS - Análise e sugestões ao legislador. (Para ler basta clicar neste link http://antoniomartinsmelo-advogado.blogspot.com/2011/05/direito-autoral-autenticidade-de-obras.html

SEGUIDORES DE MarMel JURISTA

PESQUISAR NESTE SITE? DIGITE A PALAVRA PRINCIPAL OU ASSUNTO E TECLE ENTER.

QUER RECEBER NOTÍCIAS DE PUBLICAÇÕES? DIGITE E-MAIL E CONFIRME!

segunda-feira, 20 de junho de 2011

SAÚDE PÚBLICA NA U.T.I




NÃO INTERESSA QUEM SEJAM OS RESPONSÁVEIS PELO CAOS NO SISTEMA HOSPITALAR PÚBLICO NO BRASIL; SE MÉDICOS, SE O SISTEMA HOSPITALAR, SE A FALTA DE CONTROLE ATÉ DE PONTO DOS MÉDICOS, SE MUNICÍPIO, SE GOVERNO DO ESTADO, SE GOVERNO FEDERAL. NADA JUSTIFICA A IRRESPONSABILIDADE, A FALTA DE PROFISSIONALISMO, A FALTA DE ÉTICA, DE MORAL DE CIVISMO, DE CIDADANIA, DE AMOR AO PRÓXIMO, O DESCASO, A SITUAÇÃO IMORAL POR QUE PADECE A POPULAÇÃO QUE NECESSITA DA REDE HOSPITALAR PÚBLICA, QUE SE VÊ ACUADA, VÍTIMA ATÉ DA PREPOTÊNCIA DE ALGUNS MÉDICOS QUE SE ACHAM DEUSES QUANDO DECIDEM A QUEM ATENDER OU NÃO, A QUEM MEDICAR OU NÃO, QUEM PODE ATENDER, QUEM MERECE SER ATENDIDO, QUEM PODE OU NÃO ESPERAR O PLANTÃO DO OUTRO COLEGA MÉDICO, QUEM VAI OU NÃO MORRER.

Juramento de Hipócrates feito por todo estudante de medicina ao concluir o curso

"Eu juro, por Apolo médico, por Esculápio, Hígia e Panacea, e tomo por testemunhas todos os deuses e todas as deusas, cumprir, segundo meu poder e minha razão, a promessa que se segue:
Estimar, tanto quanto a meus pais, aquele que me ensinou esta arte; fazer vida comum e, se necessário for, com ele partilhar meus bens; ter seus filhos por meus próprios irmãos; ensinar-lhes esta arte, se eles tiverem necessidade de aprendê-la, sem remuneração e nem compromisso escrito; fazer participar dos preceitos, das lições e de todo o resto do ensino, meus filhos, os de meu mestre e os discípulos inscritos segundo os regulamentos da profissão, porém, só a estes.
Aplicarei os regimes para o bem do doente segundo o meu poder e entendimento, nunca para causar dano ou mal a alguém.
A ninguém darei por comprazer, nem remédio mortal nem um conselho que induza a perda. Do mesmo modo não darei a nenhuma mulher uma substãncia abortiva.
Conservarei imaculada minha vida e minha arte.
Não praticarei a talha, mesmo sobre um calculoso confirmado; deixarei essa operação aos práticos que disso cuidam.
Em toda casa, aí entrarei para o bem dos doentes, mantendo-me longe de todo o dano voluntário e de toda a sedução, sobretudo dos prazeres do amor, com as mulheres ou com os homens livres ou escravizados.
Àquilo que no exercício ou fora do exercício da profissão e no convívio da sociedade, eu tiver visto ou ouvido, que não seja preciso divulgar, eu conservarei inteiramente secreto.
Se eu cumprir este juramento com fidelidade, que me seja dado gozar felizmente da vida e da minha profissão, honrado para sempre entre os homens; se eu dele me afastar ou infringir, o contrário aconteça."

PROMETO:

"Que ao exercer a arte de curar, me mostrarei
Sempre fiel aos preceitos da honestidade,
Da caridade e da ciência. Penetrando
No interior dos lares, meus olhos serão
Cegos, minha língua calará os segredos
Que me forem revelados os quais terei
Como preceito de honra; nunca me servirei
Da minha profissão para corromper
Os costumes ou favorecer o crime.
Se eu cumprir este juramento com
Fidelidade, goze eu a minha vida e a minha
Arte com a boa reputação entre os homens
E para sempre; se dele me afastar
Ou infringir suceda-me o contrário."
(Hipócrates – 460 A. C.)

ESSE JURAMENTO É O QUE OS MÉDICOS FAZEM.

E, só para finalizar, o estudande de Direito quando se forma não é Advogado nem doutor, mas é Bacharel em Direito. O estudante de Direito só ganha o título de Advogado - e só recebe o título de Doutor em Direito por lei - quando é inscrito nos quadros OAB-Ordem dos Advogados do Brasil, e esse mérito só acontece depois de lograr êxito de aprovação no exame de proficiência da OAB, que é a instituição que avalia, coordena e controla a atuação profissional de Advogados.

Basta de hipocrisia e safadeza! Chega de passar a mão na cabeça de vagabundos que recebem salários e não trabalham; QUE ESTÃO EMPREGADOS NO SERVIÇO PÚBLICO NÃO POR QUE ESTEJAM FAZENDO CARIDADE OU FAVOR A POPULAÇÃO, MAS ESTÃO EMPREGADOS NO SERVIÇO PORQUE PRECISAM DO DINHEIRO PÚBLICO DA POPULAÇÃO PARA SOBREVIVEREM, COMEREM, SE VESTIREM, PAGAREM TETO E TUDO MAIS. A categoria até tem bons profissionais, mas está abarrotada de picaretas protegidos pelo corporativismo dos Conselhos e sindicatos, enquanto a população humilde que precisa dos de serviços deles - como de qualquer outro profissional - não tem sindicato nem conselhos a recorrer para defender seus interesses.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.