Quem é Ton MarMel?

Minha foto
Brasília, DF, Brazil
Bem Vindo (a). Atuando também em Brasília, Ton MarMel é jurista pós-graduado em Direito Público e Artista Visual detentor de diversos prêmios desde infante.

TRADUTOR / TRANSLATER

TRADUTOR / TRANSLATER / TRADUCTEUR / TRADUCTOR / TRADUTTORE
English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
DESTAQUE: DIREITO AUTORAL - AUTENTICIDADE DE OBRAS - Análise e sugestões ao legislador. (Para ler basta clicar neste link http://antoniomartinsmelo-advogado.blogspot.com/2011/05/direito-autoral-autenticidade-de-obras.html

PESQUISAR NESTE SITE? DIGITE A PALAVRA PRINCIPAL OU ASSUNTO E TECLE ENTER.

Carregando...

QUER RECEBER NOTÍCIAS DE PUBLICAÇÕES? DIGITE E-MAIL E CONFIRME!

TOTAL DE VISITANTES

Contador de visitas

domingo, 10 de junho de 2012

CASO ELIZE: MULHER MATA MARIDO

ATÉ ONDE VAI A BESTIALIDADE HUMANA?
De onde vem o desgosto pela vida que se apodera de alguns indivíduos sem motivos plausíveis? - Efeito da ociosidade, da falta de fé e geralmente da saciedade. Para aqueles que exercem as suas faculdades... com um fim útil e segundo as suas aptidões naturais, o trabalho nada tem de árido e a vida se escoa mais rapidamente; suportam as suas vicissitudes com tanto mais paciência e resignação quanto mais agem tendo em vista a felicidade mais sólida e mais durável que os espera.
"O empresário Marcos Kitano Matsunaga, de 42 anos, foi vítima de um crime que chamou a atenção de todo o Brasil. Diretor executivo da Yoki, uma gigante do setor de alimentos, ele foi morto e esquartejado pela própria mulher, a bacharel em direto Elize Kitano Matsunaga. O crime ocorreu em 20 de maio. Ao confessar o assassinato, Elize contou à polícia ter retalhado a vítma no banheiro da empregada da cobertura onde o casal morava na capital paulista. O motivo alegado foi ciúme por ter descoberto casos de traição do marido".
Particularmente acredito na solução pacífica dos conflitos, até mesmo como princípio constitucional de resolução de diferenças, especialmente na esfera amorosa e conjugal que envolve guarda de filhos e patrimônio.


E sempre enfatizo que há limites para vingança e estado colérico. Mas, infelizmente há pessoas que quando se encontram nessas situações não conseguem controlar seu "ânimus" e o resultado é sempre trágico, comovente, desastroso e fatal.



A QUEM COUBER POR DISTRIBUIÇÃO, FATO, DIREITO E COMPETÊNCIA, EDITE-SE, AUTUE-SE, PUBLIQUE-SE, NOS TERMOS DA LEI E APÓS AS PROVIDÊNCIAS CABÍVEIS DE PRAXE.


(Ton MarMel Ton)